Vai escolher?

5101_E-1
Durante uma viagem de negócios que durou alguns dias, eu me hospedei num hotel que servia rápidas refeições no jantar. O cardápio era limitado; em verdade eram apenas dois pratos bem diferentes.
Numa destas noites me sentei com um amigo que ocasionalmente não via há muito tempo e que também estava hospedado naquele mesmo hotel.
Após os cumprimentos e diálogo inicial nos sentamos para jantar. O atendente do restaurante nos ofereceu as duas opções que havia. Este meu amigo nem prestou a atenção e me disse escolhe qualquer um aí. Diante desta liberdade eu escolhi dois pratos iguais, segundo o meu gosto. Enquanto pedia também as bebidas o meu companheiro de mesa se distraia nas mensagens do seu smartphone.
Assim que os pratos chegaram esse meu amigo olhou para a comida, olhou para mim e exclamou: eu não gosto disto!
Meus amigos, estamos, todos, no mesmo restaurante e  existem apenas duas opções. Ficar sem pedir ou ir embora não resolverá a sua fome. Você pode até não gostar de alguns ingredientes de um ou do outro prato mas, com certeza, a maioria irá pedir. Optar por não comer será uma atitude errada, sua fome será maior e ainda você abrirá mão de qualquer direito de reclamar do tempero.
Então, deixar de votar, votar nulo ou branco não vai resolver. Algum candidato será eleito. Escolha entre A ou B e vote. Analise cada um de acordo com a sua régua moral, de acordo com os seus valores e conforme o seu padrão de seriedade, transparência e honestidade e vá votar. Faça a sua parte!
Mesmo que o prato não lhe seja o mais apetitoso, assim mesmo corra o risco da escolha. É melhor ter uma azia do que ficar com fome; é melhor ter algum no bolso do que dois apenas em promessa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *