Você é raiz ou nutella?

Que o brasileiro é muito criativo não se tem dúvidas. E que o brasileiro adora fazer piadas de si mesmo, muito menos. Já há algum tempo surgiram as comparações raiz ou nutella. Raiz representa tudo o que é antigo, que é tradicional, mais rústico. Já o termo nutella se refere ao moderno, ao atual e, em geral, desprovido daquela pitada de simplicidade e de aventura. As comparações são diversas. A criança raiz, por exemplo, brincava na rua, vivia ralada e machucada; a criança nutella brinca de PlayStation e smartphone. A mãe raiz jogava o chinelo nos filhos e os colocava de castigo; a mãe nutella usa expressões carinhosas como “meu amor” e conversa com doçura para corrigir. O estudante universitário raiz tirava xerox, dormia pouco e não saia do bar; o universitário nutella revê a matéria antes da prova, dorme 8 horas, não sabe onde é o bar e é fitness. Brincadeiras à parte, a reflexão é sobre a sua postura profissional. Sem necessariamente rotular mas questionando: você admira posturas éticas ou a palavra não tem mais valor? Você está preso ao passado ou é dinâmico e aberto ao novo? Você acha que sabe tudo ou tem sensibilidade para entender a mudança dos tempos e das pessoas e cria novos processos e procedimentos? Dá valor ao freguês apenas quando ele compra ou se comporta como um consultor diante do seu cliente, seja em qual situação for? Hoje, o cigarro está fora moda, o veículo opala está só nos encontros de carros antigos e a máquina de escrever … bem essa está lá no Memorial do Comércio, no museu! Precisamos sim nos atualizar diariamente, estudar, pesquisar e entender que a evolução está nos produtos, nos serviços e nas pessoas. Todo profissional, de qualquer área, precisa evoluir, precisa se reinventar e inovar. Tem que ser muito raiz na sua essência mas também não pode abrir mão da sua vibe nutella. O Mercado de Trabalho espera e exige isso. E você, está preparado?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *